Notícia: Declarada epidemia de dengue no Paraná

Publicado em 20/04/2022

Declarada epidemia de dengue no Paraná


Declarada epidemia de dengue no Paraná

A Secretaria de Estado da Saúde declarou em 19 de abril, situação de epidemia de dengue no estado.

Os farmacêuticos devem estar atentos aos sinais e sintomas da doença e encaminhar os pacientes para diagnóstico e tratamento.

 

Sinais e sintomas geralmente observados em casos leves a moderados

·         febre

·         cefaleia

·         dores musculares e/ou articulares

·         náuseas e vômitos

·         exantemas

·         dor retro-orbital

 

Dor e febre

Pacientes com dengue não devem usar anti-inflamatórios não esteroidais (AINEs) devido ao risco aumentado de hemorragias.

Paracetamol e dipirona podem ser usados em caso de dor e febre, observando-se as doses recomendadas.

 

 

Referências:

 

BRASIL. Ministério da Saúde. Dengue: diagnóstico e manejo clínico: adulto e criança. 5. ed. Brasília: Ministério da Saúde, 2016. Disponível em: <www.gov.br/saude/pt-br/centrais-de-conteudo/publicacoes/publicacoes-svs/dengue/dengue-manejo-adulto-crianca-5d-1.pdf/@@download/file/dengue-manejo-adulto-crianca-5d%20(1).pdf>. Acesso em 20 abr. 2022.

PARANÁ. Agência Estadual de Notícias. Com aumento de casos, Paraná declara epidemia de dengue. Disponível em: <www.aen.pr.gov.br/Noticia/Com-aumento-de-casos-Parana-declara-epidemia-de-dengue>. Acesso em 20 abr. 2022.

PARANÁ. Secretaria de Estado da Saúde. Recomendações para o atendimento de usuários com suspeita de infecção por dengue e COVID-19. Disponível em: <www.dengue.pr.gov.br/sites/dengue/arquivos_restritos/files/documento/2021-01/NO%20Arboviroses%20n%C2%BA01_2021%20-%20Dengue%20e%20a%20COVID-19%20para%20publica%C3%A7%C3%A3o.pdf>. Acesso em 20 abr. 2022.


Fonte: CIM/CRF-PR e Assessoria de Comunicação CRf-PR

topo