Notícias

Publicado em 20/02/2019

Entidades discutem impactos da graduação na modalidade EAD na área da saúde


Entidades discutem impactos da graduação na modalidade EAD na área da saúde

O Conselho Regional de Farmácia do Estado do Paraná (CRF-PR) promoveu, hoje, o III Encontro das profissões da área da saúde. Representantes de entidades profissionais, instituições de ensino, Ministério da Saúde, Ministério Público e Procon/PR se reuniram para discutirem a graduação na modalidade de Ensino a Distância (EAD).

As discussões foram embasadas nas Leis 8.080/1990 e 8.142/1990, e na Constituição Federal de 1988 que definem como competência do Sistema Único de Saúde a ordenação da formação de recursos humanos na área da saúde. Foi apresentado ainda, um panorama do ensino presencial e do EAD no Paraná no segmento, com base em informações do banco de dados do MEC, elaborado pela farmacêutica Ester Dalla Costa, coordenadora do Grupo de Trabalho em Educação do CRF-PR. Foi apresentado também os dados nacional, pela farmacêutica Dra. Zilamar Camargo Costa, coordenadora da Comissão de Educação Farmacêutica do CFF. Já a presidente do CRF-DF, Dra. Gilcelene Maria dos Santos El Chaer, trouxe sua experiência como membro da Comissão Parlamentar do CFF e falou sobre o andamento dos Projetos de Lei em EAD e a importância da aproximação das profissões da área da saúde com os parlamentares. E por fim, a secretária do Ministério da Saúde (MS), Mayra Isabel Correia Pinheiro, apresentou o posicionamento do MS com relação ao EAD e o impacto na qualidade da assistência ao paciente.

A coordenadora geral do Procon Paraná, Cláudia Silvano, também participou das discussões na defesa da sociedade civil organizada.

Os encaminhamentos do terceiro encontro serão direcionados à Comissão Executiva que foi constituída durante o evento.


Fonte: Assessoria de Comunicação / CRF-PR